Policiais Rodoviários Federais realizaram a apreensão de 33,9 m³ de madeira serrada que estava sem a devida documentação ambiental válida. Os policiais identificaram o crime ambiental, na cidade de Parnaíba/PI, na BR 402, na tarde de ontem (02), ao abordar o veículo de carga FORD/CARGO 2429 L, conduzido por um homem de 48 anos.

Os policiais abordaram o caminhão quando realizavam trabalho de fiscalização de rotina. No momento da abordagem, o caminhoneiro apresentou aos policiais notas fiscais referente à carga de sal, porém ao abrir o compartimento de carga foi detectado o carregamento de madeira sem nenhuma documentação fiscal ou ambiental.

Os policiais verificaram também que o condutor já é reincidente nesse tipo de crime e já foi flagrado e autuado pela PRF em outubro de 2019 no mesmo local. De acordo com o motorista, a carga vinha do município de Senador José Porfírio/PA, porém não informou o destino da carga.

A Empresa Proprietária do veículo e da carga foram enquadradas no Art. 46 da Lei Nº 9.605/98 de crimes ambientais.

Toda a carga de madeira, juntamente com o veículo, foi encaminhada aos órgãos ambientais, para os procedimentos cabíveis. O condutor se comprometeu a se fazer presente em audiência judicial referente à prática delituosa. O homem responderá por Crime Ambiental.

Fonte: Nucom/PRF-PI