O piloto Michael Schumacher, está em reabilitação desde que sofreu um acidente de esqui no ano de 2013, ele será tema de um documentário produzido pela Netflix que vai estrear em 15 de setembro. Além disso os fãs do heptacampeão da Fórmula 1, irão conhecer mais da vida do piloto e também receberão uma pequena atualização sobre seu estado de saúde. Corinna, esposa do astro alemão, contou à equipe de Schumacher que “Michael ainda está aqui. Diferente, mas aqui”.

Durante o documentário, a ativista falou que sente falta de sua antiga vida com o companheiro, entretanto ele ainda estar vivo dá esperanças a ela e sua família. “Estamos juntos, moramos juntos, fazemos terapia… Fazemos tudo para que Michael se recupere e para garantir que ele fique confortável”.

Desde o acidente, é claro, essas experiências e esses momentos que acredito que muitas pessoas têm com os pais, não acontecem mais, nem em um grau menor”, disse Mick Schumacher, filho do heptacampeão e que hoje pilota para a equipe Haas, ao lembrar das atividades ao ar livre que praticava com o pai.

Em 2012, o ex-piloto de Fórmula 1 se aposentou das pistas e sofreu um acidente de esqui em 2013, que ocasionou traumas cerebrais e levou os médicos a colocarem o esportista em um coma induzido. Entre 2014 e 2020, o estado de saúde de Schumacher progrediu – ele chegou a recobrar consciência e hoje consegue se comunicar, segundo o ex-gerente da Ferrari, Jean Todt. Hanns-Bruno KammertönsVanessa Nöcker Michael Wech dirigiram Schumacher.