• CIDADE

      15°C/Max

      5°C/Min

INFORME:

Mais de 500 entregadores de app foram assaltados em Teresina no ano de 2021

Realizaram manifestação / 1 de nov 2021

Um grupo formado por entregadores por aplicativo se reuniu nesta segunda-feira (01/11)  na lateral do Shopping Rio Poty, na zona Norte de Teresina, para manifestar por mais segurança, melhores condições de trabalho e criação de auxílio combustível, por parte do Governo do Estado.

Segundo matéria da TV Antena 10, os entregadores se reuniram com a diretoria do shopping, na intenção de pedir um tempo maior no momento que eles fossem ao shopping para fazer as entregas, antes era apenas 15 minutos a tolerância para não haver a cobrança do estacionamento, após essa reunião o tempo foi ampliado de 15 minutos para 40 minutos.

Durante esse ato de manifestação, os trabalhadores da categoria estavam cobrando do poder publico em relação às condições de trabalho, como mais segurança e também em relação ao valor do combustível e um local de ponto de apoio a onde os profissionais possam aguarda os chamados para as entregas.

De acordo com a categoria, a falta de segurança e o aumento excessivo no preço do combustível tem feito muitos trabalhadores desistirem da profissão. Dados levantados pela Associação dos Entregadores por Aplicativos e Delivery do Piauí (ASSENAPP-PI) apontam que mais de 500 entregadores por aplicativo já foram vítimas de assalto somente nos primeiros 10 meses de 2021.

“Muitos têm suas motos roubadas, o que dificulta a vida do trabalhador. Precisamos do apoio do poder público para ter segurança. Inclusive, tendo um ponto de apoio onde os entregadores vão aguardar o pedido. Podendo, inclusive, descansar, fazer necessidades, e ter mais segurança”, pontuou o presidente da associação, Julio César Sousa.

O presidente da associação destacou ainda que a categoria vem sofrendo também com assaltantes que têm usado equipamentos próprios da profissão para se disfarçarem e cometerem uma série de assaltos em Teresina.

“A bandidagem está se aproveitando da falta de segurança no município de Teresina para se passar por entregadores, se disfarçando para poder fazer assaltos”, acrescentou.

Com o aumento da gasolina, principal combustível utilizado pelos motociclistas, muitos entregadores têm desistido da profissão ou reduziram a carga horário de trabalho.

“Não temos um número específico de quantos entregadores deixaram a profissão. Mas o número é bem grande. Algum abandonaram, outros decidiram trabalhar só um turno. Estamos atrás de melhorias justamente para ajudar toda a categoria. O auxílio combustível ajudaria muito a manter esses profissionais”, destacou Julio César.

    Reprodução TV Antena 10
    Reprodução TV Antena 10

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Curta Nossa Página

TERESINA DIESEL

SÃO BERNARDO-MA/ AO LADO DA SEC DE EDUCAÇÃO

WC DRONE – WILBERT CASTRO

CARNAVAL DO MELA-MELA EM LUZILÂNDIA

FINAL DO CAMPEONATO DA PEDRA BRANCA 2019 DECISÃO NOS PÊNALTIS

BP ROCHA CONSTRUÇÕES MAGALHÃES DE ALMEIDA -MA

Ouça a Super Vale FM 94,7