Corpo é encontrado em cova rasa na Vila Embratel no Maranhão

SÃO LUÍS – Na tarde desta quinta-feira (7) foi encontrado o corpo de um homem, nos fundos de um lava jato, no bairro da Vila Embratel, em São Luís.

Segundo a polícia, o homem foi identificado como Eli Carlos Fonseca Moura Júnior, de 28 anos, que estava desaparecido desde a última terça-feira (5). O corpo de Eli foi encontrado em uma cova rasa, coberto de lama.

A vítima foi reconhecida pela mãe, que foi ao local onde o corpo estava e afirmou à polícia que se tratava do filho.

Segundo a perícia, Eli foi morto com diversos golpes de facão pelo corpo, sendo que o rosto da vítima estava desfigurado. O perito aponta que tudo leva a crer que Eli Carlos foi morto na região e depois enterrado em cova rasa.

Ouça a entrevista que o perito deu à repórter Alessandra Rodrigues da Mirante AM.

Vítima resgatada

Além de Eli, uma segunda pessoa foi encontrada na região bastante ferida, mas ainda com vida. A vítima, identificada apenas como “Nikito”, foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) e levada a um hospital.

Veja o momento em que “Nikito” é levado pelo Samu:

A polícia apurou, preliminarmente, que a tentativa de homicídio contra “Nikito” pode ter relação com a morte de Eli Carlos. Populares afirmam que Eli foi morto por Nikito, o qual acabou sendo punido por faccionários, sendo agredido na região em que o corpo de Eli foi enterrado. No entanto, a polícia ainda não confirma essa versão, o que se sabe é que na localidade há conflitos de facções. A Polícia Civil está investigando o caso.

Ouça a reportagem que o delegado Felipe Freitas, da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa, deu à repórter Alessandra Rodrigues, falando sobre o caso.

VIA IMIRANTE.COM

Deixe uma resposta