Lula quer gravar vídeos na prisão para sua campanha eleitoral

O partido diz que ele tem direito a gravar vídeos para ser usado na campanha.

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentou a juíza Carolina Lebbos, 12ª Vara Federal de Curitiba recurso para que Lula possa realizar atos de pré-campanha e da Convenção, marcado para o dia 28 de julho. A Convenção Nacional do PT deseja campanhas por meio de vídeo conferência ou vídeos previamente gravados pela sede da Polícia Federal em Curitiba, onde ele se encontra preso desde  7 de Abril.

Atualmente Lula cumpre pena de 12 anos e um mês de prisão no caso do tríplex do Guarujá.  Ex-ministro do governo Dilma Rousseff, Aragão afirmou na petição que a execução provisória da pena imposta ao ex-presidente não cassou os direitos políticos e não pode restringir a pré-candidatura à Presidência.

De acordo com O Globo, ele destaca ainda que a lei prevê tratamento isonômico aos candidatos, e que veículos de comunicação já pediram autorização para ouvir Lula como presidenciável.

O Partidos dos Trabalhadores tem mantido o nome de Lula como candidato a Presidência da República. O partido diz que ele tem direito a gravar vídeos para ser usado na campanha, porque ele não está com seus direitos suspensos. O PT afirma que não pode haver uma impugnação prévia a sua candidatura, antes da apresentação do registro à Justiça Eleitoral, por isso o ex-presidente tem o direito de apresentar como candidato.

fonte: PORTAL R 10

Unidades de saúde de 50 municípios do Piauí vão receber veículos

Em audiência com o deputado federal Júlio César nesta terça-feira (12), o governador Wellington Dias tratou da liberação de recursos para equipamentos na área da saúde. São previstos cerca de 80 veículos para unidades de saúde de 50 cidades do estado, totalizando aproximadamente R$ 12.800.000,00 em recursos.

“São 37 vans e 45 (veículos) cabine dupla para os municípios do Piauí. Já foram previamente escolhidos, houve a licitação e já foi homologado”, garantiu o deputado Júlio César.

A Secretaria Estadual de Saúde encaminha o planejamento de distribuição dos veículos que deverão ser entregues em breve, como garantiu o governador. “Daremos as condições de municípios que fazem o transporte de pacientes em atendimento contínuo fora da cidade onde ele mora, pessoas que fazem tratamento em outras cidades e agora vão poder ser transportadas adequadamente. Já tivemos essa experiência e o resultado é muito bom”.

Publicada por: Redação

Fonte: Ascom

Operação Malupa das policias militar e civil de Luzilândia desarticulam bocas de fumo no bairro Novo Oriente e Dilma Russeff

 OPERAÇÃO MOLUPA realizada pelas policias militar e Civil de Luzilândia, cumpriram Mandados de Prisão Preventiva expedidos pela Vara Única de Luzilândia, pela prática do crime previsto no artigo 33 da Lei 11.343/2006.

Na manhã desta terça-feira (12/05/2018), para desarticular uma associação de tráfico de drogas com atuação nos bairros Novo Oriente e Dilma Rousseff na cidade de Luzilândia, a Polícia Civil, através das Delegacias de Luzilândia e Esperantina, e a Polícia Militar (3ªCIA/12º BPM), deram cumprimento aos mandados de prisão preventiva expedidos em desfavor de JOSÉ DA SILVA ARAÚJO, vulgo “TROPEÇO”, MARIA SORAIA GOMES SAMPAIO e MARIA DE JESUS NASCIMENTO, vulgo “NANCA”.

O setor de investigação da Delegacia de Luzilândia procedeu ao levantamento das informações e diligenciaram nos locais onde ocorreram os fatos criminosos, constatando que os nacionais supramencionados integram a associação criminosa responsável pela exploração do tráfico de drogas nos bairros Novo Oriente e Dilma Rousseff.

As prisões foram realizadas após três meses de investigações que resultaram em pedidos de busca e apreensão nos endereços dos acusados e os presos estão recolhidos à disposição da Justiça e irão responder por tráfico de drogas. Ainda como desdobramento da operação, foi dado cumprimento ao mandado de prisão expedido contra ANTÔNIO LUCAS ALVES SILVA, vulgo “LUCAS”, pela prática de homicídio contra as vítimas W. C. S e F. A. F. N. A operação foi batizada com este nome porque MOLUPA foi um nome designado a alguns guerreiros que, apesar de estarem em pequena quantidade, conseguiram a todo custo promover a paz social de uma comunidade, apesar das ameaças de alguns criminosos.

A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar à população local a realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido efeito e traz benefícios a sociedade

FONTE: DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL

Em Madeiro- PI, prefeito Zé Neto inaugura “NASF” equipado e com VAN para transportes de pacientes

O município de Madeiro na região norte do Estado, vem através do empenho e esforço do gestor municipal inaugurando muitas obras na área da saúde, trazendo melhoramento de vida para o povo Madeirense.

Nesta segunda-feira dia 11 foi inaugurado o NASF (núcleo de apoio à família)  Santa Terezinha no bairro Queiroz, que contará com vários profissionais de diversas áreas de saúde como:  Ortopedista,  Psiquiatras, Psicólogos, Fonoaudiólogos, Nutricionistas e ainda 2 Fisioterapeutas.

Com a nova estrutura do prédio modificado desde à recepção, consultórios médicos, sala de atendimento,  sala de espera, banheiros, copa e uma  sala de fisioterapia estruturada e equipada com diversos equipamentos, que melhorará o atendimento a pacientes que necessitam da fisioterapia, além de toda essa estrutura, o núcleo conta também com um transporte de passageiros, uma VAN que facilitará o transporte dos necessitados até suas residências tanto da sede, quanto da zona rural.

O prefeito Zé Neto, juntamente com à Secretária Municipal de Saúde Cleudimar  Cardoso fizeram a inauguração com o desmanche do laço das inaugurações das obras.

“Uma nova oportunidade de bem-estar ao povo merecedor, ao povo acolhedor, que hoje conta com um grande centro especializado e voltado à saúde da família, moradores aqui do bairro e de todo município merecem uma saúde digna, existem dificuldades, mas sempre buscaremos melhoramentos ao povo madeirense, e eu como filho daqui, madeirense como vocês, durante 6 anos e meio a frente do governo, o que eu sempre busquei e buscarei  o melhor para meu povo, não importa o lado político, o governo do prefeito Zé Neto será voltado à população madeirense, sempre com humildade e carinho”.  Disse o Prefeito.

A Secretária Municipal Cleuldimar Cardoso relatou que”no local, onde hoje é o Nasf, era uma escola abandonada e que a mesma através de um pedido feito ao prefeito Zé Neto, conseguiu com que fosse transformado um sonho em realidade,  o NASF que trará muitos benefícios à população, não é todo dia que se consegue a construção de um núcleo de apoio à família e a cidade de Madeiro está de parabéns por poder contar com  profissionais que atenderão  diariamente uma  grande demanda, que buscam atendimento no posto de saúde do bairro Queiroz, com mais este Núcleo haverá descentralização de atendimento”. Disse a secretária.

O município vem passando por grandes mudanças e acessibilidade a seus direitos constitutivos em todas as áreas da administração, anida este mês de junho será inaugurado mais um grande posto de saúde no povoado Sussuapara zona rural de Madeiro.

ACOMPANHE O PORTAL RIO PARNAÍBA

VEJA AS FOTOS

 

 

Regina Sousa critica possível diminuição no salário-mínimo para 2019

A senadora Regina Sousa (PT-PI) criticou a possível diminuição do salário-mínimo para 2018. O documento original encaminhado pelo governo previa o valor de R$ 1.002,00 a partir de 1º de janeiro, mas o valor pode ser de R$ 998, conforme apresentado na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Segundo a parlamentar piauiense, a atual gestão não pensa na população de baixa renda.

“Quatro reais pode não ser nada pra muita gente mas, para o brasileiro pobre que ganha o salário mínimo, quatro reais é muito. Compra lá o fósforo, compra lá o tempero… O problema é que, quando se vai fazer o orçamento, não se pensa nas pessoas mais pobres. O orçamento não tá cabendo os pobres. Essa é que é a questão”, enfatizou.

O relator da LDO, senador Dalirio Beber (PSDB-SC), ressaltou que os números do orçamento precisam ser realistas. “Queremos diminuir o tamanho do estado pra que ele continue cabendo dentro da carga tributária que é imposta à sociedade brasileira. É o desejo de sermos cada vez mais transparentes por um imperativo imposto à sociedade. Ou seja, não adianta nós escamotearmos pra permitir criar um cenário que se mostre promissor, favorável, se, na verdade, isso não existe. Ou seja, tratar os números como verdadeiramente são.

O valor final do salário mínimo vai depender das negociações na Comissão Mista de Orçamento com a equipe econômica do atual governo e do que será eleito em outubro. O projeto de lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2019 deve ser votado amanhã, 12 de junho.

FONTE:VIAGORA

Justiça federal condena prefeito Júnior Carvalho por improbidade

O juiz Francisco Hélio Camelo Ferreira, da 1º Vara da Justiça Federal, condenou o prefeito Luis Gonzaga de Carvalho Júnior de Demerval Lobão e o Posto Carvalho, a pagarem uma multa civil no valor de R$ 5 mil, cada um, numa ação de improbidade administrativa. Além da multa, o prefeito e o posto de sua propriedade não poderão receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios do Poder Público, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio pelo prazo de 3 anos. Ambos foram condenados com base no art. 10 inciso VIII da Lei 8429/92 (Lei de Improbidade Administrativa). A sentença foi publicada no dia 30 de abril desse ano. Clique aqui e veja a decisão na íntegra.

Além do prefeito Júnior Carvalho, foram condenados, na mesma ação de improbidade administrativa, o ex-prefeito do município de Curralinhos, Ronaldo Campelo dos Santos, a ex-secretária municipal de Finanças, Valdênia Campelo dos Santos e o empresário Clerton Soares Batista juntamente com seu Posto Sacy.

O Ministério Público Federal (MPF) acusou os réus de terem desviado recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), do município de Curralinhos, mediante simulações de aquisição de combustíveis em favor das empresas Posto Sacy e Posto Carvalho.

O ex-prefeito Ronaldo Campelo e sua irmã Valdênia Campelo foram também acusados de aplicar irregularmente os recursos do Fundeb na contratação de pessoas jurídicas e físicas e na contratação de empresas sem licitação.

No bojo do processo ficou evidenciado que o ex-prefeito Ronaldo Campelo e a ex-secretária Valdênia Campelo cometeram diversas irregularidades na aplicação dos recursos do Fundeb. Dentre elas são destacadas: desvios de recursos do fundo na contratação de pessoas físicas e jurídicas sem a comprovação da prestação dos serviços; aplicação irregular de recursos do fundo em despesas que não se enquadravam em ações de manutenção e desenvolvimento da educação básica; aquisição de combustíveis, lubrificantes e peças de veículos sem procedimentos licitatórios.

Diante da constatação efetiva da acusação do MPF, o magistrado condenou o ex-prefeito Ronaldo Campelo a ressarcir aos cofres públicos o valor de R$ 165.035,06, a suspensão dos direitos políticos por 8 anos e o pagamento de multa no valor de R$ 20 mil.

A ex-secretária Valdênia Campelo, irmã do ex-prefeito, foi condenada a pagar solidariamente com o ex-prefeito o valor de R$ 165 mil, teve suspenso seus direitos políticos pelo prazo de 6 anos e o pagamento de multa civil no valor de R$ 10 mil.

Clerton Soares Batista e seu posto Sacy foram condenados a pagar multa no valor de R$ 5 mil cada um. Além da multa, Clerton Soares e o posto de sua propriedade, não poderão receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios do Poder Público, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio pelo prazo de 3 anos.

Outro lado

blog não conseguiu localizar nenhum dos condenados para comentar a decisão da justiça. O espaço permanece aberto para esclarecimentos.

FONTE: VIAGORA

Wellington Dias participa do lançamento da pré-candidatura de Lula

O “lançamento oficial” da pré-candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi realizado nesta sexta-feira, 8, em Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte. As lideranças do Partido do Trabalhadores (PT) reforçaram a intenção de registrar Lula na Justiça Eleitoral no dia 15 de agosto e mantiveram o discurso oficial de que não há “plano B” para a legenda. O evento foi prestigiado por lideranças de todos o Brasil, entre eles a ex-presidente Dilma Rousseff.

O governador do Piauí, Wellington Dias, ressaltou que esta é uma situação nova, em que os líderes terão que aprender como em uma conjuntura excepcional fazer a campanha sem a presença física do ex-presidente. “É a primeira vez desde 1989, quando nos acostumamos em todas as eleições a ter a presença deste extraordinário líder, que é o Lula, que não teremos a sua presença física. Tive o privilegio de visita-lo em Curitiba, e ali, pude ver uma pessoa muito forte. O tempo todo preocupado com o Brasil, preocupado com os mais pobres. Eu diria muito preparado para as articulações necessárias para garantir o melhor caminho para o Brasil”, disse.

Dias ressaltou a teoria de que não há “Plano B”. “Saímos desde encontro todos muito convencidos que em cada estado há hoje um palanque, um conjunto de líderes que dão sustentação a essa candidatura, porque há do outro lado a vontade do povo. A   tendência é de o Lula seguir crescendo. Primeiro sem nenhuma prova fizeram uma condenação, e ele seguiu crescendo nas pesquisas. Depois, resolveram ilegalmente colocá-lo numa prisão, e ele e prosseguiu crescendo, por que a população está vendo o país se desmanchando. Está vendo o abismo. Os que assumiram, após o golpe, em quem destituíram a presidente Dilma, aqueles que lá estão não têm qualquer controle sobre o que acontece no Brasil”, destacou o governador piauiense.

“Por onde tenho andado, temos a convicção que o líder capaz de unir o Brasil, de dialogar, de articular, enfim, para dar um rumo para o Brasil, para que possa voltar a ter esperança, para que os brasileiros possamos pensar com firmeza em relação ao futuro: é Luiz Inácio Lula da Silva”, finalizou Wellington Dias.

A orientação do Partido do Trabalhadores é que atos semelhantes a estes sejam realizados em todos os estados brasileiros e que conte com a participação dos principais líderes nacionais.

Fonte: Ascom