Veja valor que candidatos ao senado do PI receberam do Fundo Partidário

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), dos 18 candidatos ao Senado Federal pelo Estado do Piauí, quatro já receberam os repasses do Fundo Partidário. Os recursos já foram entregues a políticos como Ciro Nogueira (Progressistas) e Marcelo Castro (MDB), da chapa de Wellington Dias (PT), e Robert Rios (DEM) e Wilson Martins (PSB), da chapa de Luciano Nunes (PSDB).

Os candidatos Marcelo Castro (MDB) e Wilson Martins (PSB) são os que receberam o maior repasse até agora, no valor de R$ 1.500.000,00 (um milhão e quinhentos mil reais) cada um.

Ciro Nogueira (Progressistas) vem em seguida, tendo recebido repasse de R$ 1.118.652,00 (um milhão, cento e dezoito mil, seiscentos e cinquenta e dois reais). Wilson Martins (DEM) foi o que teve o menor repasse, recebendo R$ 350.000,00 (trezentos e cinquenta mil reais) do fundo.

O Fundo de Assistência Financeira aos Partidos Políticos, conhecido popularmente como Fundo Partidário, é constituído por dotações da União, multas, penalidades, doações e outros recursos previstos em Lei.

FONTE: VIAGORA

Ala do PT defende anúncio da chapa Haddad-Manuela na segunda-feira

Petistas de diferentes correntes discutem neste sábado o melhor momento para o anúncio oficial da chapa Fernando Haddad e Manuela D’Avila na disputa presidencial.

Uma ala petista, ligada ao ex-prefeito, defende que o “melhor cenário” seria fazer o anúncio oficial na segunda-feira (4).

Haddad pretende ir na segunda-feira a Curitiba falar com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para bater o martelo sobre a troca oficial, após a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que barrou a candidatura do ex-presidente.

Outro grupo argumenta que a troca oficial precisa ser adiada por mais alguns dias, dentro da estratégia de manter o discurso político de que Lula foi injustiçado – e também porque os advogados avaliam qual a estratégia jurídica para questionar a decisão do TSE.

Nas palavras de um petista, “quem vai acabar decidindo mesmo é Lula”.

Fonte: Com informações do G1

TSE abre sessão que julgará registro de candidatura de Lula

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julga hoje se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Operação Lava Jato, o registro, as impugnações e petições sobre o caso do ex-presidente. Lula já apareceu na primeira propaganda eleitoral da campanha do PT nas eleições 2018.

Luís Roberto Barroso, relator do caso, votou pelo indeferimento do registro da candidatura do ex-presidente Lula. Ele disse que o ex-presidente seria inelegível mesmo que estivesse solto por força de condenação.

Barroso: “Faculto à coligação substituir o candidato Luiz Inácio Lula da Silva em um prazo de 10 dias”

O registro da candidatura do ex-presidente e a incerteza de sua presença no horário eleitoral no rádio e na TV provocaram uma divisão na Corte. Rosa Weber, presidente do TSE, e o relator do caso, Luís Roberto Barroso. Havia expectativa de que o julgamento pudesse ocorrer antes do horário eleitoral.

GP1

TSE afasta Paes Landim da presidência do TRE-Piauí

O Ministro Corregedor do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Jorge Mussi, determinou o afastamento do presidente do TRE-PI (Tribunal Regional Eleitoral do Piauí), Francisco Antônio Paes Landim.

Foto: Telsirio AlencarPresidente do TRE-PI, Des. Francisco Antônio Paes Landim Filho.Presidente do TRE-PI, Des. Francisco Antônio Paes Landim Filho.

A decisão dada nesta quarta-feira (29), é devido o parentesco do seu irmão, José Francisco Paes Landim, candidato a deputado federal no pleito de 2018. A ação foi ajuizada pelo Ministério Público Eleitoral.

Por conta da decisão de afastamento do desembargador Paes Landim, o vice-presidente Sebastião Ribeiro Martins assumirá de maneira provisória a presidência do TRE-PI.

Conforme a decisão, o afastamento do desembargador Paes Landim será até a diplomação dos candidatos eleitos no Piauí em outubro de 2018.

Viagora procurou o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí, que informou que ainda não tem  posicionamento oficial sobre o assunto.

FONTE: VIAGORA

TSE recusa ação que pedia retirada de Lula das pesquisas eleitorais

O ministro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) Tarcisio Vieira de Carvalho Neto negou uma ação que pedia a exclusão do nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) das pesquisas de intenção de voto.

Apresentado pelo IDL (Instituto Democracia e Liberdade), a ação desejava que os institutos Ibope, Datafolha, Paraná Pesquisas e Vox Populi deixassem de usar o nome de Lula em suas pesquisas enquanto não forem suspensos os efeitos da sentence que condenou o ex-presidente à prisão.

Lula foi condenado em segunda instância no processo do tríplex por corrupção e lavagem de dinheiro. Essa condição torna o petista inelegível, já que ele fica enquadra na Lei da Ficha Limpa, sancionada pelo próprio ex-presidente em 2010.

 (Crédito: Getty Imagens/ V. Moriyama)(Crédito: Getty Imagens/ V. Moriyama)

O TSE, porém, ainda não analisou o registro de candidatura de Lula. Enquanto isso, ele pode ser considerado como postulante ao Planalto.

Tanto Datafolha quanto Ibope, em suas pesquisas mais recentes, apresentaram pesquisas com dois  cenários: com e sem Lula. Quando aparece na disputa, o petista aparece na liderança.

Ao ser substituído por Fernando Haddad, a candidatura do PT perde força e fica atrás de Jair Bolsonaro (PSL), Marina Silva (Rede), Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB).

A Justiça Eleitoral determina que “os nomes de todos os candidatos cujo registro tenha sido requerido deverão constar da lista apresentada aos entrevistados durante a realização das pesquisas”.

De acordo com o ministro, o IDL queria que o TSE mudasse as regras sobre pesquisas. “Os representantes buscam, em verdade, a alteração da norma, o que não se mostra possível a esta altura do processo eleitoral”, explicou.

Para ele, uma nova regra agora “causaria insegurança jurídica às entidades e aos institutos de pesquisa”.

Carvalho Neto determinou o arquivamento do pedido do IDL. A decisão está datada como do dia 28 agosto, mas foi disponibilizada no sistema do TSE nesta quinta (30).

Fonte: UOL

WELLINGTON 38,83%, OPOSIÇÃO 45,00% PESQUISA JÁ MOSTRA OPOSIÇÃO SOMANDO MAIS QUE O GOVERNADOR; O PETISTA É SEGUIDO DE PERTO POR DR. PESSOA EM 2º E LUCIANO EM 3º

Governador já sabe que o segundo turno é uma possibilidade real, pesquisa mostra que oposição já soma mais que o petista no primeiro turno (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

Governador já sabe que o segundo turno é uma possibilidade real, pesquisa mostra que oposição já soma mais que o petista no primeiro turno.  (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

Realizada em todo o Piauí, a mais recente pesquisa do Instituto Datamax traz uma mudança no cenário político estadual. O petista Wellington Dias ainda está na frente da corrida pelo cargo de governador com 38,83% das intenções de voto. mas agora a oposição já soma mais votos que o candidato à reeleição. Todos os candidatos de oposição somados juntam 45,00% dos votos.

Dr. Pessoa (SD) aparece com 25,67% das intenções de voto. Em seguida aparece Luciano Nunes (PSDB) com 10,00%. O senador Elmano Ferrer (PODE) está com 6,17%, fechando o pelotão mais destacado da aferição.

Pesquisa mostra que Wellington Dias já não é mais candidato imbatível e põe em risco apoio ao petista (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

Pesquisa mostra que Wellington Dias já não é mais candidato imbatível e põe em risco apoio ao petista (foto: Jailson Soares | politicaDinamica.com)

O advogado Valter Alencar (PSC) somou 1,50% das intenções de voto. Fábio Sérvio (PSL) aparece com 0,58%; Luciane Santos (PSTU) soma 0,50%, o mesmo percentual de Lourdes Melo (PCO). Romualdo Seno (DC) obteve 0,08%.

Dr. Pessoa aparece como o candidato mais destacado no campo da oposição sendo a principal ameaça à reeleição de Wellington segundo pesquisa Datamax (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

Dr. Pessoa aparece como o candidato mais destacado no campo da oposição sendo a principal ameaça à reeleição de Wellington segundo pesquisa Datamax (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

Votariam nulo ou em branco 9,17% dos entrevistados. Não sabem ou não quiseram responder 7,00%.

Luciano atingiu a casa dos dois dígitos e também mostra reação de sua candidatura ao governo do Estado (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

Luciano atingiu a casa dos dois dígitos e também mostra reação de sua candidatura ao governo do Estado (foto: Jailson Soares | politicaDInamica.com)

SEGUNDO TURNO

Os números da pesquisa já apontam a existência de 2º turno nas eleições para a disputa do Governo do Piauí. Foram testados dois cenários.

No primeiro cenário, Wellington Dias teria 46,50% das intenções de voto contra 41,83% do Dr. Pessoa. Nulos e brancos somam aqui 6,58%. Não sabem ou não quiseram opinar 5,08%.

No segundo cenário, o petista Wellington Dias soma 54,25% contra o tucano Luciano Nunes, que teria segundo a pesquisa 29,08%. Votariam nulo ou em branco 9,75%. Não sabem ou não quiseram opinar 6,92%.

FICHA TÉCNICA

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Datamax no período de 23 a 28 de agosto de 2018, nas 15 microrregiões do estado do Piauí. A amostra é de 1200 entrevistados, com margem de erro de 2,83% para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O registro da pesquisa no TSE é o de Nº PI-05109/2018. A pesquisa é presencial.

FONTE: POLITICA DINAMICA

Procuradoria Eleitoral impugna 63 registros de candidaturas no Maranhão

O Ministério Público Eleitoral no Maranhão protocolou, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), 63 ações de impugnação de candidatura contra 61 candidatos nas eleições 2018. As impugnações ocorreram por diferentes razões, previstas na Constituição Federal e na LeiComplementar 64/90, tais como condenações criminais e por ato de improbidade administrativa, rejeições de contas pelos Tribunais de Contas, ausência de desincompatibilização de cargos públicos, irregularidades na filiação partidária ou falta de quitação eleitoral.
Registros de candidatura apresentados após o prazo legal podem resultar em novas impugnações. Os candidatos serão intimados para contestar as impugnações, que serão julgadas pelo TRE-MA com prioridade sobre os outros processos eleitorais.
Até a data do julgamento dos registros, qualquer cidadão pode apresentar notícia de inelegibilidade ao TRE-MA e à Procuradoria Regional Eleitoral.
Confira a lista dos candidatos impugnados, com os respectivos números dos processos na Justiça Eleitoral, neste link: http://www.mpf.mp.br/ma/sala-de-imprensa/docs/lista-de-impugnacoes-de-candidatos-eleicoes-2018-63-impugnacoes/at_download/file
Para acessar a íntegra das ações de impugnação e fazer o download das peças, bem como realizar o acompanhamento processual, acesse o link do
sistema de Processo Judicial Eletrônico (PJe) do TRE-MA e faça a busca
por meio do número do processo de cada candidato.

 

Link do sistema PJe do TRE-MA: AQUI.
FONTE: BLOG DO FOGUINHO

Mais asfalto em Magalhães de Almeida segue a todo vapor

A continuidade  da implantação do asfaltamento em Magalhães de Almeida continua a todo vapor no bairro Gaveta, ruas como Francisco Florindo, Santo Antonio(rua da Gaveta e Ruy Neres da Cruz já receberam a pavimentação.

Na manhã desta terça -feira 28/08, o mais asfalto chegou à rua Barnabé Pereira, rua que dá acesso  a Escola Municipal Maria do Rosário ( antigo Urbano Pinheiro). Estivemos no local e percebemos  a felicidade dos moradores.O Mais Asfalto pavimentará mais de 5km nas principais ruas da cidade. O programa do Governo do Estado e chegou ao município através de um pedido do ex-candidato a prefeito pelo PC do B Costa Junior.

RUA DA GAVETA

RUA RUI NERES DA CRUZ

RUA FRANCISCO FLORINDO

RUA BARNABÉ PEREIRA

FONTE: PORTAL RIO  PARNAÍBA

Professores retornam as aulas nesta sexta-feira (24), depois de 77 dias de greve na rede estadual

Em assembleia geral, realizada no Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte), os professores da rede estadual de ensino decidiram encerrar a greve da categoria, que durou 77 dias, e voltar às salas de aulas nesta sexta-feira (24) e aguardar o pagamento do retroativo na folha deste mês de setembro.

O vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte), Kassyus Lages, a categoria vai cumprir a decisão judicial e retornar às aulas nesta sexta-feira, mas continuarão em alerta para que o Governo do Estado cumpra a decisão judicial e pague o retroativo em setembro, caso contrário, irão retomar a greve.

“Todos os trabalhadores vão retornar às salas de aula nesta sexta-feira e reformular o calendário escolar”, falou Kassyus Lages.

O Sinte informou que a reposição das aulas depende de cada escola e a previsão é que escolas atingidas pela greve de 77 dias tenham aula até março.

Em nota aos veículos de comunicação, o Sinte informa que a greve foi suspensa e que as aulas retornarão normalmente a partir desta sexta-feira porque o Governo do Estado já garantiu que o reajuste de 6,81% fosse implantado para todos os professores ativos, inativos e pensionistas e que já deve vigorar na próxima folha de pagamento.

“O retroativo, referente aos meses de maio a julho, serão pagos no mês de setembro. Queremos agradecer o apoio e empenho de todos os trabalhadores em educação, aos pais e alunos que entenderam nossa luta que é e sempre será por uma educação pública de qualidade e socialmente referenciada. Queremos escolas dignas com merenda e estrutura descente, professores e funcionários efetivos. A luta pela educação é permanente. É uma luta de todos”, diz a nota do Sinte.

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) já solicitou dos gerentes em Educação e diretores das escolas que possam trabalhar a reposição para que não haja perdas maiores para os estudantes.

O secretário estadual de Educação, Helder Jacobina, disse que nem todas as escolas estão com o calendário estadual atrasado, mas o objetivo é sanar a perda do calendário na parte da rede afetada.

Justiça determina cumprimento de acordo

A greve acabou porque o juiz Joaquim Santana Filho, do Tribunal da Justiça do Piauí (TJ-PI), determinou que fosse cumprido pelo Governo do Estado o acordo feito com a categoria prevendo o reajuste de 6,81% aos professores e 3,95% para os funcionários das escolas, mais o retroativo.

O Governo do Estado solicitou ao Tribunal de Justiça que reconsiderasse o tempo determinado para o pagamento do retroativo e adiasse para o mês de setembro devido a impossibilidade técnicas para implantação. O desembargador Joaquim Dias de Santana Filho, da 6ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça, aceitou o pedido e determinou o imediato retorno dos professores para as salas de aula, sob pena de multa diária no valor de R$ 15 mil em caso de descumprimento, além de desconto dos dias não trabalhados.

O desembargador Joaquim Dias de Santana Filho estabeleceu multa de R$ 30 mil para o governador Wellington Dias caso descumpra o pagamento de reajuste.

Em março, o governo encaminhou à Assembleia Legislativa a proposta de reajuste de 6,81%, que foi aprovada, mas foi vetada pelo governador Wellington Dias (PT) porque a atual legislação determina que o reajuste salarial para servidores públicos não deva ultrapassar o índice da inflação, de 2,95%.

Caso Wellington Dias desse aumento salarial superior aos 2,95%, ele ficaria inelegível pela Legislação Eleitoral e cometeria o crime de improbidade administrativa. No início de junho, a Assembleia Legislativa (Alepi) aprovou a derrubada dos vetos do governo. Em 14 de junho, o reajuste foi publicado no Diário Oficial do Estado.

No dia 20 de junho, os projetos de reajustes retornaram para nova votação na Alepi, os deputados mantiveram os vetos do governador e no dia seguinte realizaram uma votação simbólica para aprovar o reajuste de 2,95% para servidores estaduais, entre eles os professores.

Durante a votação houve protestos e alguns professores ficaram feridos. “Eu não poderia, pela lei, conceder aumento maior do que a inflação, mas o Governo do Estado pode cumprir a decisão da Justiça de conceder reajuste de 6,81%, que queria dar, mas pela lei não podia. Mas tudo foi resolvido”, falou Wellington Dias. (E.R.)

FONTE: MEIO NORTE

Flávio Dino contesta pesquisa, mas TRE indefere pedido no Maranhão

A Coligação encabeçada por Flávio Dino pediu que a Justiça Eleitoral não permita a divulgação da pesquisa do Ibope, mas o TRE indeferiu o pedido através do juiz Alexandre Lopes de Abreu.
Para os comunistas, só valem as pesquisas contratadas pelos veículos de comunicação que devoram os recursos do Governo do Estado, como Exata, Datailha e Interpreta. Os resultados dos três institutos sempre favorecem largamento Flávio Dino.
Como o Ibope iniciou o trabalho de coleta desde o dia 17 e vai apresentar os resultados já amanhã, dia 23, a coligação bateu às portas da Justiça Eleitoral para impedir a divulgação do instituto contratado pelo Sistema Globo e suas afiliadas.
Porém, o TRE não acatou o pedido e amanhã teremos o resultado de um instituto diferente dos contratados pelos amigos de Flávio Dino. Os números serão apresentados no JMTV 2ª Edição, da TV Mirante.
O governador Flávio Dino já se antecipou nas redes sociais, espalhando que o Ibope nunca acertou no Maranhão, como mostra abaixo:
Fonte: Blog do Luis Cardoso

Prefeito de Murici dos Portelas recebe picape L200 para a secretaria de saúde

O prefeito de Murici dos Portelas, Ricardo Sales (PSD) recebeu na manhã desta quarta-feira as chaves de uma picape L200 que será utilizada na secretaria de saúde do município.

Ricardo assinou o termo de recebimento do veiculo e em seguida recebeu as chaves das mãos do assessor do deputado federal Júlio Cesar, Charles Sales.

A nova aquisição renovará a frota de veículos do município e será de grande utilidade no deslocamento de profissionais da saúde para os povoados da zona rural.

A chegada da picape é fruto de uma emenda do deputado federal Júlio Cesar e também do deputado estadual Georgiano Neto. “Estes dois homens públicos demonstram ao longo de seus mandatos, que querem trabalhar pelo Piauí e Murici dos Portelas”, disse o prefeito.

*Com informações Ascom

Ibope: governo Wellington Dias é aprovado por 54% e reprovado por 39%

A pesquisa Ibope, encomendada pela TV Clube e divulgada nessa terça-feira (21), mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo de Wellington Dias (PT):  Ótimo/bom: 32%;  Regular: 38%;  Ruim/péssima: 26%; Não sabem avaliar: 5%.

A pesquisa foi divulgada no Tribunal Regional Eleitoral sob o número PI-04617/2018. Ouviu 812 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais. Foi realizada de 18 a 20 de agosto e tem margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Também foi avaliada a opinião dos entrevistados sobre a maneira de governar de Wellington Dias (PT). Os resultados são os seguintes: 54% aprovam; 39% desaprovam e 7% não sabem avaliar.

Ibope: governo Wellington Dias é aprovado por 54% e reprovado por 39%

Foto: Bruna Dias

A pesquisa Ibope mediu ainda a intenção de votos na disputa pelo governo do Piauí. Os resultados foram:

Wellington Dias (PT): 47%;

Dr. Pessoa (SD): 13%;

Elmano Férrer (Podemos): 6%;

Luciano Nunes (PSDB): 6%;

Fábio Sérvio (PSL): 2%;

Valter Alencar (PSC): 2%;

Luciane Santos (PSTU): 1%;

Professora Sueli (PSOL): 1%;

Branco/nulo: 13%;

Não sabe/não respondeu: 9%.

FONTE: R10

Amostragem: Wilson Martins lidera e 3 empatam em segundo lugar

O ex-governador e candidato a senador pelo PSB, Wilson Martins, lidera, com ampla vantagem, a disputa pelas duas cadeiras do Piauí no Senado, que estão abertas nas eleições gerais deste ano. Pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação, realizada entre os dias 11 a 14 de agosto, com 1.137 eleitores de municípios representando todas as microrregiões piauienses, revela que Wilson Martins tem 24,45% das intenções de voto estimuladas para o Senado.

Em segundo lugar vêm, empatados tecnicamente, os candidatos Frank Aguiar (PRB), com 15,66%; e Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressista, com 15,13%.

O candidato do MDB ao Senado, deputado federal Marcelo Castro, tem 12,84% das intenções de voto estimuladas. O candidato do DEM ao Senado, Robert Rios, tem 8,97%.

A pesquisa do Instituto Amostragem mostra que 26,82% dos eleitores estão indecisos sobre quem votar para senador e 17,59% querem votar em branco ou anular o voto.

O candidato ao Senado pelo PSL, Elizeu Aguiar, tem 2,29% das intenções de voto estimuladas; o candidato pelo Avante, Francisco das Chagas, o Quem Quem, obteve 2,2%; o outro candidato do PSL ao Senado, Antônio José Lira, tem 1,85%.

O candidato do PTC ao Senado, Marcos Vinícius, obteve 1,76%; o candidato da Rede a senador, Paulo Henrique, tem 1,67%. O candidato do PSOL, Jesus Rodrigues, conquistou 1,58%; a candidata do PRP, Flávia Barbosa, tem 1,5%.

Genival Oliveira (PSC) tem 0,79% das intenções de voto estimuladas; os candidatos Gervásio Santos (PSTU) e Joaquim Saraiva (DC) estão empatados com 0,62% cada; a candidata do PCO, Albetiza Moreira, obteve 0,53%; e Fausto Ripardo (PCB) tem 0,44%. O outro candidato do DC ao Senado, Lafayette Andrade, obteve 0,26%. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) recebeu o registro de 18 candidatos ao Senado.

Image title

A pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Sistema Meio Norte de Comunicação, foi realizada nos dias 11 a 14 de agosto, com 1.137 eleitores, distribuídos em todas 15 microrregiões do Piauí, definidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e em 47 municípios (IBGE) – Baixo Parnaíba Piauiense (Esperantina, Barras, Piripiri e Joca Marques); Litoral Piauiense (Piracuruca, Luís Correia e Parnaíba); As microrregiões de Teresina (Teresina, União e José de Freitas); Campo Maior (Sigefredo Pacheco, Capitão de Campos , Alto Longá e Campo Maior); Médio Parnaíba Piauiense (Regeneração, Amarante e Água Branca); Valença do Piauí (Inhuma, Elesbão Veloso e Valença do Piauí); Alto Parnaíba Piauiense (Baixa Grande do Ribeiro), Bertonília (Landri Sales e Bertolínia); Floriano (Guadalupe, Itaueira e Floriano); Alto Médio Gurgueia (Monte Alegre do Piauí e Bom Jesus); São Raimundo Nonato (Canto do Buriti, São Raimundo Nonato, Anísio de Abreu e Dom Inocêncio; Chapadas do Extremo Sul Piauiense (Avelino Lopes e Corrente); Picos (Picos, Oeiras, São José do Piauí e Geminiano); Pio IX (Francisco Santos e Pio IX) e; Alto Médio Canindé (Itainópolis, Simplício Mendes, Fronteiras, Isaías Coelho, Marcolândia, Paulistana, e São João do Piauí).

A margem de erro da pesquisa do Instituto Amostragem é de 2,85% para mais ou para menos e com nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada com o número PI-07562/2018, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no dia 13 de agosto de 2018.

Image title

81,62% não sabem em quem votar na espontânea 

A pesquisa do Instituto Amostragem de intenções de voto espontâneos para o Senado, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação, constatou que 81,62% dos eleitores piauienses estão indecisos em relação em quem vão votar para o Senado. A pesquisa também constatou que 10,29% dos eleitores piauienses querem votar nulo ou em branco para o Senado.
Quem lidera a pesquisa de intenções de votos espontâneas para o Senado é o ex-governador e candidato pelo PSB, Wilson Martins, com 3,34%.
Em segundo lugar vêm o senador Ciro Nogueira (Progressista) e o deputado federal Marcelo Castro (MDB), com 1,93% cada.
Em seguida vem o cantor e compositor Frank Aguiar (PRB), com 1,32%; O candidato do DEM ao Senado, Robert Rios, vem, em seguida, com 0,79%. O candidato do PSL, Antônio José Lira, tem 0,35%.
O outro candidato ao Senado pelo PSL, Elizeu Aguiar e o candidato da Rede, Paulo Henrique, estão empatados, com 0,26% cada.
O candidato do PTC ao Senado, Marcos Vinícius, tem 0,18%. Estão empatados com 0,09% das intenções de voto espontâneas, o candidato ao Senado pelo Avante, Francisco das Chagas, o Quem Quem; o candidato do PSOL ao Senado, Jesus Rodrigues; o candidato do PSTU ao Senado, Gervásio Santos; e o candidato do DC ao Senado Joaquim Saraiva.
Os outros candidatos ao Senado obtiveram a soma de 0,53% dos votos na pesquisa de intenções de voto espontâneas.
O presidente do Instituto Amostragem, estatístico João Batista Teles, informou que na pesquisa de intenções de voto espontâneas, os entrevistadores não apresentam os nomes dos candidatos aos eleitores entrevistados.

A pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Sistema Meio Norte de Comunicação, foi realizada nos dias 11 a 14 de agosto, com 1.137 eleitores, distribuídos em todas 15 microrregiões do Piauí. A margem de erro da pesquisa do Instituto Amostragem é de 2,85% para mais ou para menos e com nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada com o número PI-07562/2018.

Image title

 

Os professores devem retornar às salas de aula, ou pagarão multa diária de R$ 15 mil por dia no Piauí

O desembargador Joaquim Dias de Santana Filho, do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, determinou o retorno imediato dos professores à sala de aula e os demais profissionais da educação aos seus postos, pondo fim ao movimento grevista, sob pena de multa diária no valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais) e descontos dos dias não trabalhados.

Desembargador Joaquim Dias de Santana

O desembargador também homologou proposição do Governo do Estado de implementar na folha do mês de agosto de 2018 o reajuste de 6.81% para os profissionais do magistério e 3,15% para o pessoal de apoio técnico administrativo da educação e as diferenças devidas na folha do mês de setembro (6,81% para o magistério e 3,95% para o pessoal de apoio técnico administrativo da educação mais as diferenças), cujos pagamentos serão efetivados a partir do final deste mês.

 

A partir deste momento, a Seduc dará continuidade ao monitoramento de suas unidades de ensino para assegurar que as escolas da Rede Pública Estadual reprogramem o calendário escolar para assegurar o cumprimento dos 200 (duzentos) dias letivos.

Fonte: Portal MN

Dr. Pessoa garante: “Estou mais do que preparado para administrar”

O candidata ao Governo do Estado pelo Solidariedade, médico Dr. Pessoa,  foi o oitavo a participar da série de sabatinascom candidatos nas eleições de 2018, no Agora da Rede Meio Norte, na tarde desta segunda-feira (20/08).  O candidata falou de suas propostas e projetos caso seja eleita governadora do Piauí.

Foram sabatinados Romualdo Sena, candidato pelo partido da Democracia Cristã (DC); Lourdes Melo, candidata pelo Partido da Causa Operária (PCO); governador Wellington Dias, candidato à reeleição pelo Partido dos Trabalhadores (PT); Fábio Sérvio, candidato pelo Partido Social Liberal (PSL); senador Elmano Férrer (Podemos) e Valter Alencar, candidato pelo PSC e a professora doutora Sueli Rodrigues, candidata pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL).

Dr. Pessoa respondeu perguntas dos jornalistas Arimatéa Carvalho, Samantha Cavalca, Ananias Ribeiro e do apresentador Amadeu Campos. Nos 10 minutos finais, a candidato respondeu questionamentos enviados por telespectadores. A sabatina teve duração de 30 minutos.

Durante a entrevista, Dr. Pessoa afirmou estar “mais do que preparado para administrar o Piauí”, citando propostas para diversas áreas, com destaque para Educação, Saúde e Segurança. O candidato também criticou a atual gestão de Wellington Dias, afirmando que o estado vive um “caos”. Dr. Pessoa prometeu reduzir o número de secretarias em 40%, além de citar quais medidas tomará para conter o desemprego e gerar renda no estado.

Dr. Pessoa (Crédito: Efrém Ribeiro)
Dr. Pessoa (Crédito: Efrém Ribeiro)

Amadeu Campos: Candidato,  por que o senhor se considera preparado para governar o Piauí?

Dr. Pessoa: Eu não sei se sou o mais preparado, mas administrei bem minha vida até chegar a esse momento de ser deputado, ser médico, professor. Então foi bem administrado, com bastante lisura. Portanto, eu vejo nessas minhas andanças o descaso na administração pública, na saúde, nas políticas públicas e segurança pública, principalmente, onde as pessoas não podem mais ficar em frente de suas casas. Eu sou, me desculpem as pessoas que estão me ouvindo, eu sou como Deus deu missão para Moisés,  sou de desafiar. Desafiar aqueles que estão oprimidos, por isso eu me sinto preparado e não sou eu só que irei administrar o estado do Piauí, é uma equipe. Lógico, eu sou o condutor e, portanto, estou mais do que preparado para administrar o estado do Piauí, principalmente vendo este descaso administrativo há anos e só dizendo que vão reformar, que vão mudar e eu não vejo essa mudança.

Samantha Cavalca (Ao vivo de Brasília): Candidato, o senhor foi diretor, em 1997, do Hospital do Satélite em uma indicação do então deputado Roncalli Paulo, um ano depois o senhor foi exonerado pelo então presidente da Fundação Municipal de Saúde, Dr. Silvio Mendes. Ele comentou com interlocutores que o senhor teria, durante sua gestão no Hospital, teria feito uma “bagunça”, então o que o senhor tem a dizer sobre isso?

Dr. Pessoa: Primeiro, bom dia, Samantha! Estou com Saudade! Segundo, isso é mentira. Boa Tarde! Se mostrar um documento dessa natureza que vossa senhoria apontou, eu retiro minha candidatura [ao Governo do Estado]. Os malfeitores, os maquiavélicos estão aí querendo destruir minha imagem. Eu quero dizer aqui, com essas mãos limpas (gesto na fala), se eu tiver sido exonerado como está aí citado, eu retiro minha candidatura. Eu saí porque queria fazer mais e não me deram condições para fazer mais. Portanto, eu pedi demissão.

Amadeu Campos: Candidato, a gestão começa a partir do orçamento. Do orçamento atual, o que o senhor mudaria? De qual área o senhor tiraria recurso e colocaria mais? Por exemplo, o senhor está falando de educação, que quer investir mais em educação, então o senhor tiraria de qual outras receitas e investimentos, despesas que o estado tem hoje?

Dr. Pessoa: Primeiro reduzir a máquina administrativa em torno de 40%, olha o que vai sobrar. Dos 69 secretarias e com status de secretarias que estão aí, eu vou reduzir em 40%. Eu agora não vou nominar secretaria A, B. O órgão que está aí com status de secretaria, mas vou fazer. O governo,  a administração pública, tem 340 funcionários e se botar todos em pé não cabe no Palácio do Governo. Segundo, vou fazer,  incentivar principalmente os que pagam impostos e até amenizar aqueles inadimplentes que estão aí por motivo A, motivo B e não tiveram condições de ficar adimplentes, nós vamos conversar para torná-los adimplentes que vão gerar emprego e renda. Nós vamos afastar em quase 100% de politiqueiros que roubam dinheiro público, destes que estão aí roubando 30%, 50% do dinheiro público.

 (Crédito: Efrém Ribeiro)
(Crédito: Efrém Ribeiro)

Dr. Pessoa: Alguns dizem que estão levando obras, mas os 30% estão colocando no bolso, 40% está colocando no bolso. Lógico, eu não estou generalizando. Mas a maioria é desse jeito. Olha, só aí já está sobrando. A maioria dos políticos, de 30 a 50%, o Marlon Reis, juiz de Direito que está vivo, aqui do Maranhão, ele disse no “Fantástico” e mostra que é de 30 a 50% do dinheiro público é roubado, assaltado por esses ladrões, esses desviadores do dinheiro público. Esse dinheiro desviado vai ser para empregar na educação, saúde, segurança, paras as políticas públicas e para o homem do campo, que não é assistido. A Emater-Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural tem bons funcionários, não há dúvida disso. Mas o governo não prioriza, 70% da alimentação de todos os brasileiros vem da alimentação familiar, vem do pobre.

Ananias Ribeiro: Candidato, o Piauí fechou 2017 com cerca de 180 mil desempregados, pessoas que estão procurando primeiro emprego e pessoas que deixaram o emprego. Qual será a sua proposta, como governador, para dar emprego a esses piauienses que estão na fila por emprego?

Candidato Dr. Pessoa (Crédito: Efrém Ribeiro)
Candidato Dr. Pessoa (Crédito: Efrém Ribeiro)

Dr. Pessoa: Eu queria dizer que o Piauí é o primeiro estado em que mais jovens saem para procurar emprego e renda. Mas não se faz isso com uma varinha de milagre. Emprego e renda, nós temos que trabalhar, fortalecendo o desenvolvimento econômico. Por que isso não acontece no estado do Piauí? Porque é um estado de grandes potencialidades, tanto na educação, a particular, tanto na saúde, tanto na mineração, no turismo e na infraestrutura é uma vergonha, governador. É uma vergonha energia de qualidade ruim, estradas ruins, aeroporto nem existe, então entre outras coisas. Saneamento básico, 15 a 18%, não existe desenvolvimento, é um dos viés forte,  o saneamento básico. Esse governo aí, os outros governos que passaram não se preocuparam. Nós temos que capacitar os jovens. Algumas empresas não vem para o estado do Piauí por falta de capacitação e o D. Pessoa, governador do Piauí, vai capacitar esses jovens.

Ananias Ribeiro: Candidato, ontem nós tivemos uma discussão aqui de quem seria, dentre os candidatos da oposição, o anti-Wellington Dias, o candidato que seria antagonista do atual governador. Eu lembro que na definição da candidatura do senhor, o senhor pregava ser uma terceira via, uma opção para o Governo. Agora eu pergunto, o senhor se considera um anti-Wellington Dias nestas eleições? Se considera o verdadeiro nome da oposição ao atual Governo? 

Dr. Pessoa: Não. Eu me considero um cidadão preparado para cuidar do povo do Piauí, para cuidar de gente e aí sim não tem adversário escolhido, nem A, nem B ou C. Eu tenho uma missão de servir bem ao povo. O descaso, que eu já citei, na administração pública, na segurança, na saúde, nas políticas públicas e o homem desassistido na roça, aí sim eu vou procurar. Agora, seja A,B ou C eu estou preparado para enfrentar.

Arimatéa Carvalho: Candidato, sempre que o senhor concede entrevistas em emissoras de TV ou fala em vídeos, eles viralizam nos grupos. Após esses eventos, surgem memes, piadas e montagens aludindo ao fato de o senhor “não saber se expressar” adequadamente. O senhor teria dificuldade com ideias, de expor seus pontos de vista, gaguejaria muito. Isso incomoda o senhor e até que ponto isso atrapalharia uma gestão sua? 

Dr. Pessoa: Eu não fui preparado para fazer discurso na ONU. Eu não fui preparado para ser diplomata. Eu fui preparado para cuidar de gente, e sei cuidar muito de gente. Se deslizo aqui ou ali, é porque esses perversos aí que administraram o estado do Piauí há muito tempo, não me deram a oportunidade de me alfabetizar no tempo certo, como muitos outros e não sou eu a vítima, por isso na minha administração vou cuidar bem na saúde, começando desde o ensino fundamental, pré-escola, ensino fundamental e ensino médio. Lógico, esses dois, incentivando que a responsabilidade do estado é do ensino médio, e esses vou cuidar, pagando bem o professor, incentivando a progressão e qualificando o profissional da educação, através da educação vem o desenvolvimento.

Vejamos aqui, a Coreia do Sul há 30 anos, na década de 30 para 40, a Coreia tinha um quinto ou um pouco mais da renda per capita do país comparando com o Brasil e hoje tem 10 vezes mais. Alcançável do crescimento, da qualidade, do  desenvolvimento tecnológico, das industrias foi através da educação. E tendo isso, esse conhecimento, é que vou priorizar bem a educação do meu estado.

Samantha Cavalca: Quem é seu candidato à Presidência?

Dr. Pessoa: Estou com saudade, como eu já disse novamente, Samantha! No momento seria o Aldo Rebelo, que desistiu. Eu e meu grupo, nós estamos sem candidato à Presidência.

Amadeu Campos: O candidato do senhor não apoia Geraldo Alckmin?

Dr. Pessoa: É outra realidade. Aqui é o povo que vai conduzir o nosso destino, a comissão, os gestores que irão dizer qual vai ser candidato. Caso não cheguemos em um consenso, nós não vamos ter candidato à Presidência.

Amadeu Campos: Mesmo não tendo, o senhor não vota no dia da Eleição? O senhor, pessoa física, cidadão, vai votar em quem?

Dr. Pessoa: Com certeza absoluta, eu vou votar no Dr. Pessoa para governador. E para presidente da República, caso não apareça uma pessoa qualificada a capaz de fazer a mudança no Brasil, eu votarei nulo. Mas eu não estou recomendando ninguém a a votar nulo. A minha equipe está procurando um candidato à Presidência que mude essa situação caótica que está, porque de 30 a 50%, a maioria roubaram o Brasil. O Brasil não é amaldiçoado, não. Quem amaldiçoou o Brasil foram os gestores, esses que roubaram a Petrobras, que roubaram interligados com as empresas.

A Petrobras produz R$ 300 bilhões por ano e investe R$ 50 bilhões. A qualificação do refino é feito em outros países, principalmente da América, nos Estados Unidos, aí tem frete, qualificação fora, quando chega aqui o dólar aumenta, quando chega aqui no nosso país e é esse preço exorbitante, por isso o próprio governo se perdeu nesse viés da condução da Petrobras.

Arimatéa Carvalho: Dr. Pessoa, o presidente do seu partido, Paulinho da Força, está sendo investigado; um de seus candidatos ao Senado, Frank Aguiar, já foi citado em suposto envolvimento com facções criminosas e episódios de violência doméstica,  “diga-me com quem andas e eu te direi quem tu és?”

Dr. Pessoa: Eu tenho certeza que essa pergunta não foi o jornalista quem colocou. Essa pergunta alguém levou o “ti ti ti” para ele. É uma pergunta que indiretamente seria para pegar o Dr. Pessoa, mas o Dr. Pessoa tem mãos limpas. Quando andar com uma pessoa que comprovar que está com as mãos sujas, não ficará ou não ficarão junto com o Dr. Pessoa. Mas aí [a pergunta], foi do bolso de outra pessoa, de um desses que não queriam que eu fosse candidato a senador, desses que não queriam que eu fosse candidato a governador. Este grupo perverso até hoje persegue, eu queria dizer o porquê da perseguição, até antes de ontem eu tinha uma produtora, quando cheguei no interior não tinha mais, porque colocaram  duas/três vezes mais o valor e eu perdi a produtora. Até ontem eu tinha um contador, colocaram duas/três vezes. Ele mandou para Justiça, que nem um primariamente, nem um secundarista  mandaria uma prestação de conta da nossa convenção. Então é a influência econômica perversa que está aí, mas o Dr. Pessoa tem um dom que Deus deu e vou cumprir a missão.

FONTE: MN

Nem o Anjo da Guarda salva campanha de Roseana de vexame em São Luís

Depois de cancelar as agendas que faria na sexta-feira (17) em São Luís, Roseana resolveu fazer um ato na capital maranhense no final da tarde de ontem. O resultado foi apenas mais um fracasso como todos os seus eventos estão sendo neste início de campanha.

Vídeos divulgados nas redes sociais mostram o público fraco que compareceu ao ato de Roseana no Anjo da Guarda. O semblante da candidata e de todo o seu staff é de desânimo total com a falta de público e de lideranças políticas nos eventos realizados até o momento.

O primeiro final de semana oficial da campanha de Roseana virou motivo de chacota na internet. Fotos dela em caminhadas com quase ninguém, em comícios em quintais vazios de ex-lideranças políticas e até um “vácuo” do abraço de uma maranhense estão sendo espalhados com gozações nas redes sociais.

A situação para a família Sarney não é nada fácil.

Veja o vídeo do ato fracassado de Roseana no Anjo da Guarda:

Tocador de vídeo

 

FONTE: MARRAPA.COM

Morre em São Luís vereadora da cidade de Godofredo Viana-MA

A vereadora Tacianne Tavares Silva (PRP), 32 anos, faleceu na madrugada desta quinta feira (16). Tacianne foi a quarta mais votada nas eleições de 2016 com 278 votos,e exercia pela primeira vez o mandato como vereadora.
A vereadora lutava contra um câncer maligno descoberto em 2017,mais não resistiu ao tratamento. Tacianne deixa esposo e uma filha de apenas 1 ano de idade.
Vereadora Tacianne Tavares recebendo diploma -Foto Neto Weba
A câmara de vereadores de Godofredo Viana manifestou profundo pesar pelo falecimento da vereadora e se solidarizou com familiares e amigos.
“Encaminhamos a Deus um pedido de conforto e força a todos que neste momento estão inconsoláveis e que a receba no céu pela chegada de uma filha cristã,que procurou cumprir na terra aquilo que lhe foi determinado” afirmou Jorge Alberto presidente da Câmara Municipal .
LUTO MUNICIPAL

O prefeito Sissi Viana (PSDB),decretou luto oficial de três dias.

FONTE: NETO WEBA

Wellington Dias vincula campanha de reeleição a candidatura de Lula

governador Wellington Dias está vinculando sua campanha eleitoral para reeleição a campanha do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) a presidente da república.

Na manhã deste domingo (19), durante visita a região do Promorar e Parque Piauí passando por feiras e mercados, Wellington Dias caminhava com as pessoas cantando Lula lá.

Ele estava acompanhada da candidata a vice-governadora Regina Sousa e dos candidatos ao Senado Ciro Nogueira (Progressistas) e Marcelo Castro (MDB).

Image title

Durante visita as feiras, Wellington Dias disse que 20% do abatimento das feiras e mercados no Piauí já são de produção do próprio estado.

“Nas feiras nós encontramos uva de Petrolina (PE), mas também já encontramos uvas produzidas em São João do Piauí. No que as pessoas veem como problema, eu vejo como solução porque muitos desses produtos que já estão nas feiras são produzidos aqui mesmo no Piauí. O melão que chega nas feiras e mercados, uma parte já é de Canto do Buriti e nós temos que incentivar mais ainda essa produção para abastecer o mercado interno. Nós já crescemos muito, o Piauí comprava aproximadamente 92% dos seus alimentos de fora, de outros lugares, principalmente de Tianguá (CE). Nós conseguimos hoje produzir 20% do que é consumido, isso é uma grande oportunidade porque se tem uva chegando de Pernambuco, também uva chegando de São João do Piauí e melão de Canto do Buriti. Abacaxi chegando de Parnaíba. Isso significa que nossa produção está crescendo”, declarou Wellington Dias.

Ele parou e falou com muitos eleitores, alguns falaram sobre atraso no pagamento dos servidores terceirizadas e ele disse que já recebeu o governo com atraso no pagamento com servidores.

“Nós estamos recebendo o carinho das pessoas. Nessa caminhada a gente fica sabendo os problemas das pessoas e o seu pensamento. A gente fica muito feliz com o carinho que recebe das pessoas que mesmo carente e envolvidas em suas lutas que nos recebem tão bem. Essa é a coisa valorosa do Piauí”, relatou Wellington Dias.

fonte: Portal Rio Parnaíba

Governador Wellington Dias é recebido sob protestos em Luzilândia

FONTE:VIAGORA

Neste sábado (18), o governador do Piauí Wellington Dias (PT) cumpre agenda no município de Luzilândia sob protestos.

O Governador e candidato a reeleição Wellington Dias participará do lançamento da Campanha da deputada Janainna Marques (PTB).

Trabalhadores em Educação Básica Pública do Piauí (Sinte-PI) resolveu receber o petista com manifestações, apelos e espalhou faixas pela cidade com as seguintes reivindicações: “A Educação de Luzilândia continua em greve! Governador cumpra a decisão jurídica já!”.

  • Foto: DivulgaçãoSinte-PI protesta em Luzilândia com chegada do governador.

Comitê de Direitos Humanos da ONU pede que Lula participe de eleição

Documento sugere ao governo brasileiro que reconheça os direitos políticos do ex-presidente.

BRASÍLIA – O Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) emitiu hoje (17) um documento que sugere ao governo brasileiro que reconheça os direitos políticos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O Ministério das Relações Exteriores, Itamaraty, divulgou nota informando que o pedido da ONU será encaminhado ao Judiciário e que a iniciativa tem peso de recomendação, pois não é “juridicamente vinculante”.

“O teor da deliberação do comitê será encaminhado ao Poder Judiciário”, diz a nota do ministério. “O comitê, órgão de supervisão do Pacto de Direitos Civis e Políticos, é integrado não por países, mas por peritos que exercem a função em sua capacidade pessoal. As conclusões do Comitê têm caráter de recomendação e não possuem efeito juridicamente vinculante.”

O Itamaraty informou ainda que a delegação permanente do Brasil em Genebra (Suíça) não foi comunicada da recomendação. “Tomou conhecimento, sem qualquer aviso ou pedido de informação prévios, de deliberação do Comitê de Direitos Humanos”.

A reação do comitê é uma resposta a uma consulta encaminhada pelos advogados do ex-presidente no começo deste ano. No momento, o ministro Luís Roberto Barroso, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), é o relator do registro de candidatura de Lula, condenado em segunda instância e que está preso em Curitiba.

Comunicado

O comunicado, expedido pelo Comitê da ONU, a que a Agência Brasil teve acesso, está escrito em inglês e tem 20 linhas. Nele, a palavra request, em inglês, que significa solicitar e pedir, é usada duas vezes. O documento diz que Lula, mesmo preso, deve desfrutar do exercício dos direitos políticos, como candidato presidencial, incluindo o acesso à mídia e contato com integrantes do seu partido político.

No documento, os peritos afirmam ainda que se a recomendação não for seguida, Lula poderá sofrer “danos irreparáveis” no direito de votar e ser votado, conforme o Artigo 25, da Convenção do Pacto de Direitos Civis e Políticos, do qual o Brasil é signatário. O pedido reitera que não representa decisão alguma sobre o mérito relativo à prisão e condenação do ex-presidente da República.

Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão por lavagem de dinheiro e corrupção passiva no caso do triplex em Guarujá. Desde 7 de abril, ele está detido na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

Outro lado

Para a defesa de Lula, a recomendação das Nações Unidas é um reconhecimento das violações aos direitos civis e políticos do ex-presidente. Os advogados Cristiano e Valeska Zanin Martins interpretam ainda que o ex-presidente tem condições de participar do processo eleitoral.

Segundo a defesa, Lula tem condições de concorrer às eleições presidenciais até a existência de decisão transitada em julgado em um processo justo, assim como será necessário franquear a ele acesso irrestrito à imprensa e aos membros de sua coligação política durante a campanha.

MIRANTE.COM, COM INFORMAÇÕES DA AGÊNCIA BRASIL